Twitter

Twitter é tomado por contas falsas “verificadas” de empresas de jogos

Novas políticas de Elon Musk favoreceram o surgimento de contas falsas, mas “verificadas”

Sabemos que, depois de uma longa negociação, Elon Musk adquiriu definitivamente o Twitter. Agora, ele está livre para fazer as mudanças que quiser – mesmo que elas não agradem os usuários. O principal alvo dele nos últimos dias tem sido o selo de verificado. Antigamente reservado para contas de personalidades e empresas, Musk decretou que qualquer um pode obter a famosa marquinha azul se pagar uma quantia mensal de 8$.  Com isso, muitos utilizadores começaram a criar “fakes verificados”, passando-se por contas verdadeiras de celebridades, figuras notáveis ou grandes companhias.

Uma conta falsa verificada de Nintendo of America se tornou viral após postar uma imagem de Mario, o mascote de empresa, mostrando o dedo do meio. A polêmica que isso gerou fez com que o perfil tivesse que apagar a publicação, e seu verificado foi suspenso.

Twitter é tomado por contas falsas "verificadas" de empresas de jogos

 

Uma outra falsa conta verificada da Rockstar Games atiçou os fãs ao afirmar que a empresa apresentaria Grand Theft Auto 6 na próxima semana.

Twitter é tomado por contas falsas "verificadas" de empresas de jogos

A Valve também ganhou sua própria conta falsa para espalhar fake news. O tweet que recebeu milhares de likes anunciava uma “próxima plataforma competitiva” chamada Richocet: Neon Prime.

Twitter é tomado por contas falsas "verificadas" de empresas de jogos

Outros casos de contas falsas “verificadas”

Desde o lançamento do novo verificado, houve casos mais graves também, indo além de usar nome de empresas de jogos para espalhar fake news. Um perfil, que fingia ser a conta oficial do próprio Twitter , compartilhou um link que o permitia ter acesso às carteiras de criptomoedas de usuários desavisados.

Políticos e líderes de Estado também foram vítimas de imitação, como o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e até mesmo George W. Bush. Uma conta falsa de Donal Trump apareceu avisando que “o plano de Elon Musk” de distribuir o selo como recurso pago não funciona.

O perfil falso verificado de Lebron James viralizou com uma fake news de que o jogador estava saindo do Lakers.

Nem mesmo Jesus Cristo ficou de fora. Um dos casos que mais chamou atenção envolvia uma conta com o user @jesus, que comprou a assinatura, e fez alguns tweets que viralizaram.

Twitter é tomado por contas falsas "verificadas" de empresas de jogos

 

Twitter tomou a decisão de bloquear a assinatura do Twitter Blue por contas novas

Com tantos perfis falsos verificados surgindo, o Twitter tomou a decisão de bloquear a assinatura do Twitter Blue por contas novas na rede social. Agora, somente contas existentes antes de 9 de novembro de 2022 podem fazer a adesão ao sistema de assinaturas.

Não se sabe ainda se a medida será temporária ou definitiva – o que pode prejudicar a entrada de novos usuários e empresas.

Novo selo de verificado

Antes dessa polêmica toda, Elon Musk tinha decidido fazer dois selos de verificados diferentes – um azul para os assinantes e um cinza para “contas de governos, organizações políticas como partidos políticos, empresas comerciais incluindo parceiros de negócios, grandes marcas, meios de comunicação e veículos e algumas figuras públicas”.  Entretanto, a decisão virou piada entre os usuários e o o Twitter voltou atrás, afirmando que, por enquanto, o selo cinza não será mais mostrado. Haverá apenas o selo azul para pessoas notáveis e assinantes.

Musk se pronunciou sobre a mudança brusca de ideia. “Observe que o Twitter fará muitas coisas estúpidas nos próximos meses. Vamos manter o que funciona e mudar o que não funciona”, disse ele.

Assinar o Twitter Blue garante alguns benefícios além do simbolo de verificado, como prioridade nas respostas, menções e pesquisa, capacidade de postar vídeo e áudio longos, metade dos anúncios e desvio de paywall dos publicadores. O recursos ainda não chegou no Brasil.

 

Compartilhe

Leticia

Leticia

Sou escritora, jornalista e completamente apaixonada por tudo que envolve cultura pop. Instagram e twitter: @leticiahofke

Veja também